Notícias

Publicação: 21/10/2015   Comentários: (0)   Categoria: Últimas Notícias - Visitas: 106
Notícia

Transporte ferroviário de cargas no Oeste paulista

Da assessoria do deputado Ed Thomas
Demerson, Ed Thomas, Luis Roberto, Madalena e Adauto
Após ser acionada pelo Ministério Público federal, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) resolveu iniciar a avaliação da demanda pelo serviço público de transporte ferroviário de cargas no Oeste paulista, do trecho de Presidente Epitácio a Botucatu, da América Latina Logística Malha Sul (ALLMS), medida esperada por empresários e empreendedores da região, dentro de um processo que tem por objetivo principal a reativação do trecho ferroviário entre Rubião Junior, Botucatu e Presidente Epitácio.

Ed Thomas (PSB) esteve no MPF, acompanhado do deputado Ricardo Madalena (PR), da CPI que investiga os acidentes no transporte ferroviário de carga, e do vereador prudentino Demerson da Saúde. "É mais uma vitória, depois da obrigatoriedade também conquistada na Justiça, para que a ALL reativasse este trecho que consideramos essencial para o desenvolvimento da economia regional", avalia o parlamentar, parabenizando o trabalho do procurador da República, que confirmou, na audiência há cerca de 40 dias, que, pelo descumprimento de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), foi ajuizada ação determinando o pagamento de R$ 30 mil por dia, custas que estariam hoje em torno ou acima de R$ 40 milhões.

O objetivo é obter melhor dimensionamento quanto ao volume potencial de cargas na região, bem como buscar o atendimento aos interessados em utilizar o trecho ferroviário.

http://www.al.sp.gov.br/noticia/?id=367960

Tags: Transporte ferroviário de cargas no Oeste paulista

Comentários

Deixe aqui o seu comentário